<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=2736481836612313&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Quer começar a trabalhar e conquistar a sua independência pessoal e financeira, mas não sabe direito o que colocar no currículo? Você não está só, inseguranças e não saber o que colocar no currículo são medos comuns na vida de qualquer um. Um bom currículo leva tempo para ser feito, mas agrega valor e oferece vantagens ao candidato.

 

Continue a leitura e entenda de maneira clara o que colocar no currículo para se destacar entre os demais candidatos e ser um escolhido para a entrevista de emprego!

estudante ead 2

Dicas gerais sobre o que colocar no currículo

 

Os currículos são documentos que contém um resumo da sua educação, experiência profissional, qualificações e habilidades. E elaborá-lo pode parecer assustador, principalmente se você não tem experiência profissional para a vaga que vai ser candidatar, não tem experiência no mercado de trabalho ou o seu último emprego não demonstre todo o seu potencial.

 

Então, o primeiro passo para quem deseja encontrar um emprego é entender que o currículo será a melhor chance de entrar na empresa. Se você busca o primeiro emprego ou se deseja uma recolocação no trabalho, é fundamental que o seu currículo seja impecável.

 

Um bom currículo não significa ter experiências em empresas grandes, e muito menos que tenha trabalhado em cargos importantes, nem todos tiveram essa oportunidade. Um currículo impecável deve ser completo, com informações que sejam realmente necessárias, corretas, bem elaborado e estruturado.

 

Ter um currículo bem elaborado chama a atenção de quem está selecionando os candidatos para uma determinada vaga de emprego. Por isso, planeje o seu e não faça de qualquer jeito.

 

Ao montar seu currículo, pense em alguns pontos fundamentais, por exemplo: Você tem o perfil certo para a vaga? Pode parecer óbvio, mas muitos não pensam assim.

Por exemplo, se a vaga que você quer se candidatar é para auxiliar de recursos humanos, não tem a necessidade de colocar suas experiências de baba de quando ainda era adolescente. Não exagere na quantidade de detalhes.

 

Jamais, em hipótese alguma, inclua informações ou experiências falsas. Preste bastante atenção aos erros de português. Erros de concordância, grafia podem causar má impressão.

 

Por fim, você pode fazer o seu currículo no computador, usando o Word, ou outros programas próprios para isso. Sites na internet com formulários para você preencher também montam seu currículo automaticamente. Para celular também existem diversos aplicativos para montar o currículo. Na hora de salvar, prefira o modelo PDF.

 

Comece pelas informações pessoais

 

Para que o seu currículo não se perca no meio de tantos outros, é importante saber estruturar o documento da forma correta. E pode parecer óbvio, mas muita gente esquece de colocar informações pessoais e de contato. Portanto, comece por elas.

Ao receber um currículo, a primeira coisa que o recrutador vê são os dados pessoais do candidato. Eles são como que um cartão de visita, as informações devem estar de forma direta e simples.

Comece a colocar: nome completo; estado civil; idade; endereço e formas de contato, como telefone residencial, celular e e-mail. Evite colocar no currículo, itens desnecessários como: números de documentos pessoais, CPF e RG.

Sobre o e-mail, vale uma reflexão. Endereço de e-mail pouco profissional pode causar uma má impressão ao avaliador. O ideal é que seja apenas seu nome, sobrenome, iniciais. Nada de fazer referências a hobbies, apelidos ou idade. Então, aquele e-mail da adolescência deve ser deixado de lado, crie um novo para a sua vida adulta profissional.

Adicione o objetivo do currículo

 

Após as informações pessoais, adicione o objetivo do seu currículo. Definir seu objetivo profissional é o segundo passo na elaboração do seu currículo. Existem duas formas de fazer isso, e fica a seu critério.

 

A primeira é a forma curta, que é: Objetivo: nome da vaga. A segunda é a forma mais longa e que pode ser interessante se você mandar o currículo não para um cargo específico, mas para um setor que você sabe que está contratando.

 

Então, o ideal é que você tenha clareza no objetivo do currículo, em vez de contar sobre o que você quer, use esse espaço para contar sobre como pretende agregar valor à empresa. Utilize frases como:

 

  • Desejo atuar na área de vendas, aprimorando as minhas habilidades comerciais e ganhando experiência em lidar com o público.

 

  • Desejo integrar a equipe de conteúdo digital para ampliar o alcance da organização nos meios virtuais e produzir materiais relevantes para os leitores.

 

  • Tenho a intenção de integrar a equipe de vendas para colaborar na formação de um time coeso, que agregue resultados expressivos e sustentáveis para a empresa.

 

  • Pretendo assumir a vaga na assessoria de imprensa para ajudar a melhorar a comunicação interna e externa da empresa.

 

Seu objetivo profissional deve ser descrito em poucas linhas, direcionado somente ao cargo ou área de interesse, como lemos acima. Evite indicar mais de uma área em um mesmo currículo.

 

Evite usar frases como: desejo conquistar a minha independência pessoal em um ambiente de trabalho que traga oportunidades de crescimento. Textos assim soam vago, não dizem nada e não acrescentam nada de valor.

estudante ead 7

Escreva um resumo

 

         Após definir seus objetivos escreva um resumo de suas qualificações. Ele não é obrigatório, mas pode ser interessante colocar no currículo, para que o recrutador, em poucas linhas, saiba o que esperar. Se você já tem experiência profissional, recomendamos que utilize deste recurso. Se não, dedique-se apenas ao objetivo.

 

Escrever um bom resumo no currículo requer que você faça uma análise da sua trajetória profissional e pessoal. Procure colocar no resumo como você pretende acrescentar no crescimento da empresa e como suas experiências anteriores podem ajudar.

 

         Como o próprio nome diz, resumo, então faça de forma sintetizada, com bastante clara e objetividade. Coloque suas experiência profissional e suas principais características de personalidade.

 

Liste os últimos empregos e mais relevantes

 

O campo de experiência profissional deve ser colocado no currículo após o resumo profissional e antes da formação acadêmica. A única exceção ocorre quando a pessoa não possui nenhuma ou pouca experiência no mercado de trabalho. Neste caso o campo experiência profissional deve ser colocado após a formação acadêmica.

Liste os últimos empregos e/ou os mais relevantes, organizando-os a partir do último emprego. Ou seja, seu último emprego deve aparecer primeiro, depois o penúltimo, etc.

Coloque o nome da empresa destacada em negrito e escreva o cargo exercido. Depois diga o período em que trabalhou e na outra linha, você pode adicionar as “Principais atribuições”, especificando as suas principais responsabilidade, de forma resumida.

 

Especifique sua formação acadêmica

 

          O próximo passo é, especificar sua formação acadêmica, A informações acadêmicas são de extrema importância no currículo. Isso porque, cursos em modo geral mostram seu interesse e conhecimento na sua área que concorre.

 

A formação académica te dá vantagens competitiva no mercado de trabalho e ajuda você a se diferenciar dos outros candidatos, portanto, mantenha-se sempre atualizado!

 

Assim como as experiências profissionais, a formação acadêmica deve ser apresentada no currículo em ordem cronológica decrescente, da mais recente para a mais antiga, apresentando por ordem de importância (pós-graduação, graduação, outros cursos, ensino médio etc.).

Cursos desatualizados, realizados há mais de 5 anos, ou que estejam fora da sua área de interesse central deverão ser eliminados do currículo, assim como os cursos técnicos só devem ser citados se tiverem relação com a área pretendida ou se você não possuir curso de graduação.

 

Coloque o nome da instituição de ensino, curso e datas de início e término dos cursos que frequentou. Veja no exemplo abaixo:

 

Graduação em Contabilidade

Pontifícia Universidade Católica – PUC-SP

Jan/2008 – Dez/2012 (concluído)

 

          Se você ainda está cursando o ensino superior, especifique no currículo colocando o termo atual, período em que estudo e data prevista para terminar os estudos.

 

Jan/2016 a Dez/2017 – Ensino Médio

Escola Estadual Fictícia da Silva (cursando o 3º ano matutino)

 

Agora se você não tem cursos superior ou ainda não está matriculado em um, uma forma simples de chamar atenção no seus currículo é se focar em cursos relacionados a vaga e idiomas.

 

De acordo com o presidente da Curriculum.com.br, Marcelo Abrileri, "Uma boa fluência num idioma estrangeiro, como inglês, pode ajudar muito o candidato a se destacar enquanto cursos extracurriculares demonstram que o profissional se atualiza na área em que trabalha".

 

Mas lembre-se: quem quer se destacar precisa investir continuamente em educação. No Brasil, ter o diploma do ensino superior pode significar um aumento no salário de até 156%, segundo dados de pesquisa feita pela OCDE - Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico.

 

No caso do idioma, cite o nível de conhecimento que possui e se você ainda está estudando. Lembre-se de ser sincero, pois se for necessário para o cargo, você será testado e deverá comprovar o nível declarado.

 

Adicione outras experiências e habilidades

 

         A seção de habilidades demandam uma atenção especial por parte dos candidatos. Elas devem ser escritas em poucas palavras e só devem ser colocadas se você realmente tiver algo diferenciado para o cargo. Por exemplo, se você tem conhecimento em algo que não foi descrito nem nas vagas, nem em cursos.

         

Fuja dos clichês, como dizer que é proativo, ético e flexível, pois isso é necessário em qualquer cargo ou empresa. No entanto, se você é comunicativo, pode ser interessante para deixar claro que você é mais extrovertido, assim como dizer que tem experiência em atendimento ao público, por exemplo.

 

Para finalizar e você saber tudo sobre o que colocar no currículo, você também pode incluir informações adicionais. Elas servem para destacar algumas qualificações que podem contribuir para a vaga que você está se candidatando e não se encaixam em outros tópicos do currículo.

 

Nas informações adicionais você pode incluir suas premiações e certificações, atividades em trabalho voluntário, algum conhecimento sobre a área da vaga ou empresa. Também pode ser interessante colocar se você tem carteira de habilitação, carro, disponibilidade de horários e de mudança de cidade.

 

Saiba o que evitar colocar no currículo

 

Evite colocar em seu currículo: mentiras, parece óbvio, mas 77% dos gestores de RH já pegaram alguma mentira no currículo. Entre as mentiras mais comuns estão, referências, período em que trabalhou para a empresa, competências entre outras.

 

Não informe sua pretensão salarial no currículo, só faça isso no caso de a empresa exigir. Neste caso, pesquise o piso salarial da área, ou quanto se paga em cargos semelhantes em outros lugares, pois um valor inadequado pode eliminar seu currículo prematuramente de um processo seletivo.

 

Não coloque também o motivo de saída de empregos anteriores. Se o recrutador quiser saber isso, ele provavelmente perguntará a você, ou ao setor de RH da empresa para a qual você trabalhou.

 

Cuidado também com a seleção das informações, pois currículos muito extensos não são bem vistos. O currículo ideal não deve passar de duas páginas, mas se conseguir incluir tudo o que for relevante em apenas uma página, melhor ainda.

 

Percebeu como montar um currículo não é tarefa tão difícil? O importante é colocar as informações mais importantes e relevantes para o cargo e não mentir. Escreva tudo na ordem que explicamos neste texto, se atente aos erros de ortografia e boa sorte.

 

Para conquistar uma vaga no mercado de trabalho, saber o que colocar no currículo é fundamental, mas você também precisa se preparar. Então, que tal fazer uma faculdade EAD? Entenda melhor por que fazer uma faculdade EAD se você já está no mercado de trabalho.

 

Inscreva-se no nosso Blog

blog ead urcamp

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT